Quinta-feira, 13 de Maio de 2021

O Bocão
Quarta-feira, 28 de Abril de 2021, 09h:43

Suspeitas na Educação

uíza autoriza alvo de operação a retomar cargo na Prefeitura

Fonte: Midia News

Divulgação

A juíza da 7ª Vara Criminal, Ana Cristina Mendes, autorizou que o ex-procurador-geral de Cuiabá, Marcus Brito, retorne ao cargo na PGM, do qual se encontra afastado há quase oito meses. Ele não poderá retornar ao cargo de secretário municipal de Comunicação .

 

Brito estava impedido de ocupar qualquer cargo público desde setembro do ano passado, quando foi alvo da segunda fase da Operação Overlap, que apura desvios ocorridos na Secretaria de Educação de Cuiabá.

 

Em março passado, a magistrada já havia permitido a Brito que ocupasse cargos públicos desde que não fossem ligados à operação. Agora, ela decidiu que o seu retorno à PGM é cabível atendendo aos princípios da presunção da inocência, da proporcionalidade e da razoabilidade, até a finalização do inquérito policial - momento quando deverá reanalisar a medida.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.