TV Brasil estreia Um Olhar sobre o Mundo com debate sobre a Revolução Russa

Imagem da Agência Brasil

TV Brasil estreia hoje na segunda-feira (16), às 22h, o programa Um Olhar sobre o Mundo, apresentado pelo jornalista Moisés Rabinovici. A atração, que será transmitida semanalmente para todo o Brasil, discutirá os temas mais importantes da atual cena internacional.

No programa inaugural desta segunda-feira (16), Rabinovici terá como convidados o ex-diplomata e ex-ministro Rubens Ricupero e o jornalista Jarbas de Holanda, antigo militante e dirigente do PCB, que depois rompeu com a agremiação. Eles debaterão o centenário da Revolução Russa, suas causas e reflexos no mundo e também a situação atual da Rússia.

Repórter consagrado por quatro décadas de carreira, Rabinovici atuou por 16 anos como correspondente internacional em Israel, na França e nos Estados Unidos. Entrevistou os principais líderes do cenário mundial, cobriu guerras e participou de grandes coberturas. No programa, convida personalidades, especialistas, estudiosos e jornalistas para debater os  acontecimentos do mundo no momento.

Com o programa, o jornalista espera contribuir para o esclarecimento dos acontecimentos e melhor compreensão dos fatos e suas consequências. “Hoje, com a globalização e com a velocidade da internet, as informações atingem instantaneamente as pessoas no momento em que acontecem. Muitas vezes, chegam a elas de forma fragmentada ou mesmo falsa”, afirma Rabinovici. “Por isso, é importante podermos criar um espaço para nos debruçarmos com profundidade sobre esses temas.”

Ele lembra que o mundo atravessa uma fase de grandes tensões em todos os continentes. Complexos acontecimentos políticos, manifestações de líderes, ameaças de conflitos armados e até o temor de uma guerra nuclear mundial provocam ansiedade generalizada. “Nosso objetivo (com o programa) é tentar decifrar o que está acontecendo, o que está por trás das aparências e a história que produziu os fatos”, conta ele.

Rabinovici iniciou a carreira como jornalista aos 17 anos no jornal Última Hora, de Belo Horizonte. Em 1966, junto com um grupo de jovens repórteres mineiros, transferiu-se para São Paulo, onde foi um dos fundadores do Jornal da Tarde. Ali ganhou, com a equipe de jornalistas, vários prêmios Esso. Durante 40 anos trabalhou no Grupo Estado (Jornal da TardeO Estado de São Paulo, Rádio Eldorado e Agência Estado), onde ocupou todas as funções, de repórter a editor-chefe, passando pela função de correspondente internacional. Rabinovici viveu durante oito anos em Israel, seis anos em Washington e dois anos em Paris. As informações são da RadioAgência Nacional.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*