Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019

Turismo
Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019, 09h:13

CUIABÁ/PERU

Cuiabá terá embarque de passageiros em ônibus para o Peru, com parada em Lima e Cusco, a partir de setembro

OLHAR DIRETO

Foto: Diário de Navegador

A partir de setembro, cuiabanos poderão embarcar na linha rodoviária ‘mais longa do mundo’, e ir rumo ao Peru. A viagem até Lima dura cerca de 3 dias e meio, e a passagem vai custar em torno de 200 dólares – dependendo da temporada. Na próxima segunda-feira, os representantes da empresa peruana Expresso Internacional Ormeño, que realiza a viagem, estarão na capital para escolher qual agência fará a comercialização das passagens.

A informação foi confirmada pela presidente do Sindicato Dos Guias De Turismo De Mato Grosso, Susy Miranda. Segundo ela, a empresa já tem o direito sobre o guichê na rodoviária, e falta só escolher a agência que ficará com a representação.

A rota entre São Paulo e Lima já existe há nove anos, e entre Rio de Janeiro e Lima é mais recente. O ônibus chegava a passar por Cuiabá, mas não parava -  o que deve mudar a partir do próximo mês.

De acordo com o blog de viagens ‘Diário de Navegador’, “o trajeto é um pouco complexo devido a curvas fechadas, floresta amazônica e subidas pela Cordilheira dos Andes. O ônibus chega a atingir altitudes de 4.726 metros, em velocidade média de 30 km/h”.

O ônibus passa principalmente pela Rodovia Interoceânica do Sul, que liga o litoral peruano do Oceano Pacífico à costa atlântica brasileira. No Peru, é possível desembarcar em Ica, Nazca, Abancay, Cuzco (na região de Machu Picchu), Puerto Maldonado e Iñapari.

Nesta segunda-feira (26), os representantes da empresa peruana farão uma audiência às 9 horas na Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager), às 10h30 com o prefeito Emanuel Pinheiro (para discutir intercâmbio cultural e turístico entre Cuiabá e Cusco), e às 14h30 haverá coletiva na Secretaria de Desenvolvimento Econômico e, às 16 horas, reunião com o trade turístico.

 
 
Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.