Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2021

Turismo
Terça-feira, 01 de Setembro de 2020, 15h:36

TURISMO

Apesar de liberação parcial do turismo, empresas aéreas não ampliam operação para Noronha

Turistas que já tiveram Covid-19 podem desembarcar na ilha a partir de terça (1º). Azul informou que ampliará número de voos em outubro e a Gol não deu previsão.

G1

As duas empresas áreas que operam em Fernando de Noronha, Gol e Azul, não vão retomar os voos para a ilha em setembro, apesar da liberação do turismo anunciada pelo governo do estado. A informação foi divulgada, nesta segunda (31), pelas companhias, que reduziam a operação por causa da pandemia do novo coronavírus.

Mapa da Covid-19: confira número de casos em Noronha
Veja a média móvel da pandemia em Pernambuco
Saiba o que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus
Nessa primeira etapa, apenas os visitantes que já tiveram a Covid-19 estão liberados a desembarcar em Noronha, a partir de terça-feira (1.º). Atualmente, a Azul realiza um voo por semana, aos sábados, para transporte de moradores e trabalhadores de serviços essenciais.

Em nota, a Azul enfatizou a operação dos voos de passageiros e de carga. “A Azul lembra que, mesmo em meio à pandemia, realizou uma operação semanal para Noronha, mantendo a assistência pelo modal aéreo na ilha, abastecendo a região com mantimentos e transportando moradores e autoridades públicas que precisam se deslocar”, relatou a nota.

A companhia confirmou a ampliação dos serviços, de um para três voos por semana, a partir de 1.º de outubro. As aeronaves vão fazer viagens em três dias: quintas, sábados e domingos. Elas partirão do Recife. Antes da pandemia, a empresa chegou a operar com quatros voos por dia para a ilha.

A Gol, que paralisou as operações para Noronha, informou, por meio de nota, que em setembro não retornará os voos.

A empresa não divulgou qual a previsão de operação para outubro e outros meses do ano. A companhia mantinha um voo diário para a ilha e deixou de oferecer o serviço no início da pandemia do novo coronavírus.

Fernando de Noronha registrou 95 casos de Covid-19, desde março. Desse total, 93 tiveram cura clínica e duas pessoas ainda estão infectadas, em isolamento domiciliar.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.