Temer vai licenciar 12 ministros para votar contra denúncia feita pela PGR

Imagem da Agência Brasil

O governo vai licenciar os ministros com mandato de deputado federal para que participem, na semana que vem, no plenário da Câmara, da votação da denúncia contra o presidente Michel Temer.

Na quinta-feira (27),Temer recebeu aliados no Palácio do Jaburu para mais um jantar de articulação politica. De acordo o líder do governo no Congresso, André Moura, a estratégia é que os ministros fortaleçam o governo na sessão marcada para o dia 2 de agosto.

“A presença dos ministros no plenário para votar e acima de tudo é a presença do governo lá. É a certeza do governo estar presente na votação. Os ministros vão voltar, como aconteceu na reforma trabalhista, e trabalharão para poder votar com a consciência que têm sobre a importância de rejeitar a denúncia.”

Ao todo são 12 os ministros que devem se licenciar do cargo para voltar à Câmara. Entre eles estão Antonio Imbassahy, da Secretaria de Governo; Bruno Araújo, das Cidades; Raul Jungmann, da Defesa; Mendonça Filho, da Educação; Ronaldo Nogueira, do Trabalho; e Sarney Filho, do Meio Ambiente.  As informações são da RadioAgência Nacional.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*