Quinta-feira, 04 de Junho de 2020

Política
Quinta-feira, 02 de Abril de 2020, 15h:48

Agora não é hora para discordâncias

Lula e Doria trocam elogios para ampliar isolamento de Bolsonaro

Fonte: Poder 360

Sérgio Lima/Poder360

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se uniram no Twitter nesta 5ª feira (2.abr.2020) para defender medidas tomadas para conter a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Nesta 4ª feira (1º.mai.2020), o petista elogiou o trabalho dos mandatários estaduais. “A gente tem que reconhecer que quem está fazendo o trabalho mais sério nessa crise são os governadores e os prefeitos”, escreveu Lula. Doria retuitou, comentando: “Temos muitas diferenças. Mas agora não é a hora de expor discordâncias”. também disse que “o momento é de foco, serenidade e trabalho para ajudar a salvar o Brasil e os brasileiros”.

Lula e Doria convergem na oposição ao governo de Jair Bolsonaro. Bolsonaro e os governadores divergem quanto ao isolamento a ser aplicado nos Estados brasileiros. O líder do Executivo chegou a defender a quarentena apenas para idosos e pessoas com problemas de saúde, os líderes estaduais entendem que o isolamento deve se estender a toda a população.

Nas eleições de 2018, Doria apoiou Bolsonaro no 2º turno, incentivando o chamado voto “Bolsodoria”.  Depois da posse, os 2 se afastaram politicamente.

O incômodo de Bolsonaro é com os governadores do Rio, Wilson Witzel, e de São Paulo, que manifestam interesse em se lançar candidatos ao Planalto nas eleições de 2022. Os 2 impuseram em seus Estados medidas mais duras de isolamento. São Paulo e Rio também são os Estados que registraram o maior número de pessoas infectadas e mortas pela doença.

No Brasil, segundo o último relatório do Ministério da Saúde,  241 pessoas já morreram e outras 6.863 estão contaminadas. Em 1 único dia foram confirmados 1.119 casos da doença.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.