Ministro da Saúde anuncia novo esquema de vacinação contra febre amarela no Rio

Imagem da Agência Brasil

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciou nesta segunda-feira (3) o novo esquema de vacinação contra a febre amarela no estado do Rio de Janeiro. A partir de agora, todos os 92 municípios, mesmo os que ainda não registraram casos da doença, vão oferecer vacinas para a população.

Segundo o ministro, o estado do Rio já recebeu 6,9 milhões de doses contra a doença este ano. Receberá mais 1,5 milhão de doses em julho e 500 mil doses por mês, até atingir a totalidade da população-alvo. Depois dessa fase, a vacinação entrará no calendário regular.

“O desafio, agora, é que a população vá se vacinar nos postos”, disse Ricardo Barros, durante visita a uma unidade de saúde na zona norte da cidade. Ele lembrou que, no Brasil, a febre amarela é endêmica em 19 estados, que recebem doses regularmente para manter cobertura vacinal da população.

“O Rio de Janeiro não fazia parte desses estados. Passa agora a ser incluído entre os que receberão esta dose inicial, de cobertura de até 90% da população, que é a meta, e depois, anualmente, receberá novas doses para manter a cobertura vacinal”, explicou Barros.

Mais cedo, Ricardo Barros participou do anúncio de recursos para a saúde no município do Rio de Janeiro, totalizando R$ 120 milhões, o que permitirá a implantação de mais 600 equipes de atenção básica e mais 3.600 agentes comunitários de saúde.

O ministro disse que espera, ao fim de sua gestão à frente da Saúde, deixar uma estrutura modernizada, que permita o acesso do cidadão até mesmo por telefones celulares. “Eu espero informatizar todo o sistema de saúde, prontuário eletrônico para todos os cidadãos, saber o seu lugar na fila, ter o controle do andamento dela, aprovar ou avaliar todo o serviço de saúde que recebe por smartphone. Será uma economia prevista de R$ 20 bilhões no sistema SUS com a informatização”, disse Ricardo Barros.

De acordo com secretário estadual de Saúde do Rio, Luiz Antônio de Souza Teixeira, a vacina contra a febre amarela estará disponível em todas as unidades de saúde a partir do próximo sábado (8), quando haverá o Dia D contra a Febre Amarela.
As informações são da RadioAgência Nacional.
Exibindo central.PNG

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*