Caldeirão Político

Segunda-feira, 10 de Fevereiro de 2020, 10h:55

Juíza homologa em R$ 2,3 milhões valor de apartamento de Alan Malouf que será leiloado

fonte: Olhar Jurídico

A juíza Ana Cristina Mendes, da Sétima Vara Criminal de Cuiaba, homologou em R$ 2,3 milhões o valor de um apartamento entregue pelo empresário Alan Malouf em bloqueio proveniente da Operação Sodoma, terceira fase. O bem será leiloado nos próximos meses. A decisão de homologação é do dia sete de fevereiro.
Segundo processo, o juízo determinou ainda em 2019 a avaliação do bem, com posterior remessa à Central de Leilão da Comarca.  Auto de avaliação foi juntando, informando que o valor de mercado seria entre R$ 2,3 milhões e R$ 2,9 milhões.
 
“Diante do exposto, homologo o valor de avaliação do Imóvel localizado no Condomínio Forest Hill, na Rodovia Emanuel Pinheiro, Bairro Ubirajara, objeto da Matrícula nº 93.567 do Cartório do 2º Oficio de Cuiabá, pertencente ao Sr. Alan Ayoub Maluf, no importe de R$ 2,3 milhões”, decidiu Ana Cristina Mendes.
 
Na Operação Sodoma, terceira fase, o ex-governador Silval da Cunha Barbosa confessou ter participado do esquema que culminou no pagamento de R$ 31,7 milhões para a desapropriação de um terreno no Bairro Jardim Liberdade, em Cuiabá.
 
Metade do valor (R$ 15,8 milhões) teria retornado como propina. Alan Malouf seria um dos membros da organização criminosa.
 
A data do leilão ainda será definida.


Fonte: Brasil Notícia

Visite o website: brasilnoticia.com.br