Quarta-feira, 21 de Outubro de 2020

Geral
Sexta-feira, 09 de Outubro de 2020, 17h:00

Rio Verde de Mato Grosso

Vídeo: primeira-dama pega kits de brinquedos para doar na campanha, denuncia vereador

Fonte: Top Mídia News

Repórter Top

Morador de Rio Verde de Mato Grosso flagrou a primeira-dama da cidade, Iria Maciak, carregando sacolas, de dentro de um centro municipal de eventos desativado, nesta quinta-feira (8). A testemunha filmou a saída da mulher do órgão público e suspeita que ela estaria com kits de brinquedos a serem distribuídos às crianças da cidade. 

O homem que filmou a situação foi ao local após o vereador Andres Claudio de Souza, do MDB, receber denúncia que uma servidora da assistência social estaria no Centro de Eventos, onde são guardados pneus, brinquedos e cestas básicas. 

‘’Fui lá averiguar, mas aí estava a primeira-dama. Ela estava fazendo kits de brinquedos para entregar para as crianças. Mas como, se não está tendo aula?’’, questionou a testemunha. 

Polícia Civil apreendeu kits de brinquedos, diz testemunha. (Repórter Top)

A Polícia Civil, diz a testemunha, foi chamada e apreendeu os kits e levou motorista e primeira-dama para a delegacia. 

Em Rio Verde, são apenas dois candidatos: a vice-prefeita Dinalvinha, que é apoiada pelo atual gestor, Mario Kruguer, e Zé de Oliveira, do MDB. 

‘’Só tem dois candidatos na cidade e aí o prefeito distribuindo kits em período de campanha, se não tem alunos na escola?’’, indagou o morador. 

O espaço está aberto para a primeira-dama, Iria Maciak se manifestar. 

 

Ainda conforme o homem que gravou, Iria teria pedido que ele se retirasse, e teria colocado os kits dentro do carro, com o apoio do motorista. Ao sair do local, ela teria sido abordada pelo vereador, que chamou a polícia. Em seguida, ela teria ficado com medo e colocado os itens para dentro do local. 

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.