Quarta-feira, 19 de Fevereiro de 2020

Geral
Quarta-feira, 12 de Fevereiro de 2020, 08h:38

É mentira, dele!

Mauro vê mentira de prefeito em MT e lembra que pagou R$ 14,5 milhões em atrasados de Taques

Governador lamenta que Zé do Pátio faz política com inverdades

Folha Max

Governador Mauro Mendes (DEM) classificou como “mentirosas” as declarações do atual prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio (SD), sobre os repasses de recursos do Estado para o município. Segundo o democrata, o chefe do município precisa começar a tratar os assuntos relacionados ao executivo com a verdade. 

“Eu tenho respeito por qualquer prefeito do Estado de Mato Grosso. Eles merecem meu respeito como governador, mas agora, eles também tem que me tratar com respeito, que é sempre falar a verdade. Se o governo manda recursos, não pode mentir que não manda recursos. Tem que dizer a verdade. Se tem que fazer cobrança, tem que fazer cobrança também, na medida do possível nós vamos responder”, disparou na última sexta-feira ao entregar obras na principal cidade do Sul do Estado.

Mendes explica que só em 2019, a atual gestão repassou a cidade R$ 50 milhões em recursos para investimentos na área da saúde. Do valor, R$ 14,5 milhões foram destinados para quitação da dívida de R$ 30 milhões, oriundas da gestão Pedro Taques (PSDB).

“Ele fala as vezes que o Governo não ajuda nada. Só nada saúde em 2019 o governo de Mato Grosso mandou R$ 50 milhões para a prefeitura de Rondonópolis. Nós estamos pagando dívidas lá do Pedro Taques, que era amiguinho dele que não pagava. Então, não adianta ser amiguinho”, pontou.

Segundo ele, os assuntos do poder público não devem ser tratadas como uma “conversa fiada”. “O prefeito tem uma característica um pouco diferente da minha. Eu sou uma pessoa que gosto e falo muito com a verdade. Não tem esse negócio de conversa fiada. Vai a César o que é de César. Às vezes a gente escuta algumas coisas que são ditas por ai que nos deixam chateados”, afirma.

Por fim, o chefe do Executivo Estadual declara ainda que não busca ser “amiguinho” de Pátio. Contudo, afirma que busca manter uma relação política e igualitária com todos os prefeitos para tratar de assuntos importantes aos municípios. “Eu não sou amiguinho dele, mas, meu compromisso não é com o prefeito. Meu compromisso é com cidade de Rondonópolis. Independente se é o prefeito, Zé Carlos do Pátio (SD) ou qualquer um. Eu vou tratar bem a cidade Rondonópolis”, finaliza.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.