Segunda-feira, 19 de Abril de 2021

Geral
Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2021, 12h:06

Está marcado para o dia 7 de abril

Aeroportos de Rio Branco e Cruzeiro do Sul serão privatizados em abril

Fonte: Jornal a Tribuna

Divulgação

   

Está marcado para o dia 7 de abril deste ano, na Bolsa de Valores de São Paulo, o leilão para a privatização dos aeroportos de Rio Branco e Cruzeiro do Sul, além dos aeroportos de Porto Velho (RO), Boa Vista (RR), Manaus e Tefé (AM).

A informação é do representante do governo do Acre em Brasília, Ricardo França, com base em anúncio do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, em reunião com autoridades e parlamentares da região Norte, nesta quarta-feira, 24, em Brasília. O objetivo foi tratar de assuntos de interesse da região, como a melhoria da infraestrutura de transporte terrestre e aeroportuário.

“A expectativa do ministro é de que o leilão dos aeroportos seja bastante competitivo e a estimativa é de que alcance R$ R$ 1,4 bilhão, recurso a ser revertido em investimentos na região”, explicou Ricardo França. Não ficou estabelecido o preço sugerido para ao aeroportos acreanos.

Outra medida foi a assinatura de um contrato entre o Ministério da Infraestrutura e a Infraero para o desenvolvimento de estudos e projetos de melhoria da estrutura de aeroportos na Amazônia, começando com três pistas de pouso no Amazonas.

Conforme França, o ministro também apresentou um estudo de parceria público-privada (PPP) para gestão e melhoria de infraestrutura de aeroportos na Amazônia.

“O objetivo das iniciativas é melhorar a infraestrutura aeroportuária do Norte, incentivar as empresas aéreas a ampliarem a oferta de voos para os moradores locais e contribuir para reduzir o isolamento da região”, explicou o representante do governo do Acre.

Ricardo França lembrou inclusive iniciativas que já estão sendo desenvolvidas no Acre com esse objetivo, em parceria entre o governo do Estado e o governo federal, “como as melhorias das pistas de pouso dos municípios de Marechal Thaumaturgo e Santa Rosa do Purus, além das benfeitorias já realizadas no aeroporto de Tarauacá, com recuperação, balizamento e sinalização da pista”.

Além de representantes dos estados e bancadas parlamentares, também participaram do encontro representantes de empresas aéreas como Azul, Rima, TAM, Gol e Asta, que também estão sendo ouvidas no processo, inclusive sobre planos de voos para a região.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.