Domingo, 31 de Maio de 2020

Estados
Quinta-feira, 21 de Maio de 2020, 17h:41

FUNDO SOCIAL

Sicredi doa EPIs para o Pronto-Socorro de Cuiabá

Cooperativa Sicredi Ouro Verde MT fez a doação de vários materiais, no valor aproximado de R$ 70 mil, para auxiliar na proteção dos profissionais de saúde da unidade

Redação

Hospital Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (prédio antigo) é mais uma unidade hospitalar beneficiada com a doação de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) feita pela cooperativa Sicredi Ouro Verde MT, por meio do Fundo Social. A entrega dos materiais foi feita nesta quinta-feira (21.05) na sede do Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso (CRM-MT), na Capital, que intermediou a ação. Foram doadas 10 mil unidades de aventais impermeáveis, 500 máscaras Pff2, 500 caixas de luvas e 50 máscaras Face Shields, que somam o valor aproximado de R$ 70 mil. A unidade é referência no tratamento de Covid-19 na Capital, pela administração municipal.

Por meio do Fundo Social, montante que os 76 mil associados destinam para projetos que beneficiam a comunidade, já foram apoiadas 23 entidades que atuam na prevenção e combate ao novo Coronavírus (Covid-19). Os recursos, que totalizaram R$ 470 mil, possibilitaram a compra de respiradores, desfibriladores, monitores cardíacos e outros equipamentos hospitalares em diferentes municípios, além de testes rápidos, máscaras, luvas, álcool gel e EPIs para profissionais da saúde e policiais militares.

No ato da entrega dos equipamentos nesta quinta-feira, o diretor clínico do Pronto-Socorro de Cuiabá, Dr. Carlos Augusto Silva Xavier Araújo, agradeceu o Sicredi e o CRM pela doação e disse que os equipamentos vão proteger os cerca de 600 profissionais entre médicos, enfermagem, fisioterapia, fonoaudiologia, recepção e administrativo que atuam na linha de frente de combate ao coronavírus. “Esses equipamentos vão proteger nossos colaboradores e diminuir a propagação da doença, já que os profissionais que atuam no atendimento às pessoas com suspeita e confirmação da doença vão para casa e podem contaminar seus familiares. Dessa forma, teremos mais proteção”.

“Esses equipamentos vão proteger nossos colaboradores e diminuir a propagação da doença

Para a presidente do CRM, Hildenete Monteiro Fortes, que intermediou o contato do Sicredi com o Pronto-Socorro, a doação de empresas às unidades hospitalares é muito importante, pois não está ajudando apenas os profissionais e sim toda a sociedade. “É uma ação louvável e esperamos que mais empresas possam contribuir”.

O presidente da Sicredi Ouro Verde MT, Eledir Pedro Techio, acrescenta que as doações que estão sendo feitas por meio do Fundo Social são “uma forma de contribuir com ações emergenciais que essas instituições precisam implementar para o combate à doença”.

A Sicredi Ouro Verde MT está com nova etapa de inscrições para o Fundo Social, por meio da qual serão disponibilizados mais R$ 530 mil, que podem contemplar entidades dos municípios de Cuiabá, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Diamantino, São José do Rio Claro, Tapurah, Rosário Oeste, Nobres, Acorizal, Jangada, Alto Paraguai, Nova Maringá, Santa Rita do Trivelato, Itanhangá e Ipiranga do Norte, evidenciando as causas de Cidadania Corporativa do Sicredi que são Cooperação, Educação e Desenvolvimento Local, além de projetos de Saúde.

Sobre a cooperativa

A Sicredi Ouro Verde MT é uma das 110 cooperativas integrante do Sistema Sicredi, com área de atuação em 15 municípios de Mato Grosso: Cuiabá, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Diamantino, São José do Rio Claro, Tapurah, Rosário Oeste, Nobres, Acorizal, Jangada, Alto Paraguai, Nova Maringá, Santa Rita do Trivelato, Itanhangá e Ipiranga do Norte. Possui mais de 79 mil associados e uma equipe de 546 colaboradores.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.