Segunda-feira, 19 de Novembro de 2018

Estados
Quarta-feira, 11 de Julho de 2018, 16h:04

Fim da linha

MATO GROSSO: Polícia apreende cheques e anotações com nome de Arcanjo em jogo do bicho

Sarah Moreira


Foto: Chico Ferreira
Cheques e anotações em nome de João Arcanjo Ribeiro foram apreendidos pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil. Caso aconteceu na terça-feira (10), na casa de Marcelo Gomes Honorato, acusado de aplicar golpes usando máquinas de cartão de crédito. Os Nomes da ex-esposa do Arcanjo, Silvia Chirata Arcanjo Ribeiro e do filho João Arcanjo Ribeiro Filho, também foram encontrados.

Segundo a GCCO, a casa de Marcelo era usada para o jogo do bicho e apostas foram apreendidas.

3 pontos do jogo foram fechados e 48 máquinas de jogos eletrônicos. Também foram apreendidos cartões de bancos, dinheiro, notebook, recibos estratos do banco, cheques preenchidos e documentos. 3 suspeitos foram encaminhados para prestar depoimentos ao delegado Luiz Henrique Damasceno, mas foram liberados.

A central foi descoberta através de uma denuncia sobre supostas clonagens de cartões de crédito, ao ser apurada, a casa de apostas foi descoberta. Além da casa de Marcelo, uma lanchonete e duas casas também eram usadas para fazer apostas.

O delegado explica que hoje em dia, as apostas são informatizadas, de modo que as apostas são feitas por máquinas como as utilizadas para passar cartões de crédito.

João Arcanjo Ribeiro chefiava o jogo do bicho em Mato Grosso, ele foi preso em 2003 e após 15 anos, passou a cumprir a pena em regime semi-aberto, podendo trabalhar em empresas da família, administrando estacionamentos. 

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.