Quarta-feira, 30 de Setembro de 2020

Estados
Terça-feira, 25 de Agosto de 2020, 14h:58

DETRAN

Documentos podem ser protocolados por e-mail

Essa é uma opção que o Detran-MT disponibilizou para evitar o deslocamento desnecessário até a sede, reduzindo o fluxo de pessoas atendidas no setor de Protocolo

Redação

Redação

Os cidadãos e credenciados que precisam protocolar documentos do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) podem fazer por e-mail, os serviços de protocolo dos seguintes setores:

Coordenadoria de Credenciamento (coord.cred@detran.mt.gov.br); Advocacia Geral do Detran (advocaciageral@detran.mt.gov.br e ademirsilva@detran.mt.gov.br), Gerência de Controle e Formação de Condutores (ger.cfc@detran.mt.gov.br), Coordenadoria de Renavam (renavam@detran.mt.gov.br), Gerência de Infração e Defesa de Autuação (gereninfracao@detran.mt.gov.br), JARI (jari@detran.mt.gov.br), Conselho Estadual de Trânsito - CETRAN (cetran@detran.mt.gov.br) e Gerência de Leilão (geleilao@detran.mt.gov.br).

Os respectivos setores irão analisar os processos recebidos por e-mail e a conformidade destes, atestando sua regularidade e encaminhando posteriormente o número de protocolo para o cidadão no mesmo e-mail que recebeu os documentos.

Conforme o gerente de Protocolo do Detran-MT, Yan Tayllor Camargo Motta, a medida é uma forma de evitar aglomeração de pessoas em razão da pandemia do novo coronavírus e vale apenas para documentos de competência das unidades citadas acima.

“Essa é uma opção que o Detran-MT disponibilizou ao usuário para evitar o deslocamento desnecessário até a sede, reduzindo o fluxo de pessoas atendidas no setor de Protocolo, evitando aglomeração”, explicou Yan.

Demais assuntos que não estão elencados nos e-mails acima, o cidadão poderá ir até a sede para realizar o serviço de protocolo, no horário das 8h30 às 16h, sem agendamento prévio.

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.