Terça-feira, 02 de Março de 2021

Economia
Terça-feira, 09 de Fevereiro de 2021, 09h:49

Em 12 meses, alta é de 4,56%

Inflação desacelera e sobe 0,25% em janeiro, menor taxa desde agosto

Em 12 meses, alta é de 4,56% Alimentos alavancam aumento Preços da habitação caíram

Fonte: Poder 360

Sérgio Lima/Poder360 - 12.set.2020

A inflação oficial no Brasil subiu 0,25% em janeiro de 2021. É a menor alta registrada desde agosto de 2020. O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) foi divulgado nesta 3ª feira (12.jan.2021) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Eis a íntegra (345 KB).

 

A alta foi menor em janeiro do que em dezembro, quando houve aumento de 1,35%. Nos últimos 12 meses, a inflação acumula alta de 4,56%. A meta oficial para inflação é terminar o ano com taxa de 3,75%. No último Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central na 2ª feira (8.fev), o mercado financeiro projetou a expectativa para a inflação em 3,6% no ano.

Dos 9 grupos de produtos e serviços pesquisados pelo IBGE, 7 tiveram alta em janeiro.

A maior variação (1,02%) e o maior impacto (0,22 p.p.) vieram do grupo alimentação e bebidas.

A 2ª maior contribuição para o crescimento do indicador(0,08 p.p.) veio dos transportes, que subiu 0,41% em janeiro. E a 2ª maior alta no mês foi dos artigos de residência (0,86%).

Os preços do grupo habitação caíram em relação ao mês anterior (-1,07%). Foi o grupo que teve maior impacto negativo no índice (-0,17 p.p.).

Para o cálculo do índice do mês, foram comparados os preços coletados no período de 30 de dezembro de 2020 a 28 de janeiro de 2021 (referência) com os preços vigentes no período de 28 de novembro a 29 de dezembro de 2020 (base).

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.