Comissão do Senado aprova por unanimidade o nome de Marcelo Barbosa para a CVM

Imagem: Agência Brasil

Após ser sabatinado nesta terça-feira (15) pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, a indicação do advogado Marcelo Barbosa para a presidência da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) foi aprovada por unanimidade pelo colegiado. A mensagem seguirá para o Plenário, para decisão final, com pedido de urgência.

Barbosa, de 45 anos, foi indicado pelo Ministério da Fazenda para substituir Leonardo Porciúncula Gomes Pereira, cujo mandato terminou em 14 de julho. A CVM, vinculada ao Ministério da Fazenda, regula e fiscaliza o mercado de capitais. Nos últimos anos, investigou diversos casos milionários de fraude financeira.

Formação

Formado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), em 1994, com mestrado concluído em 1997 na Universidade Columbia, nos Estados Unidos, Barbosa é advogado e professor de Direito. É especialista em direito societário e mercado de capitais e autor de artigos sobre temas como o insider trading (uso de informação privilegiada). Integra o conselho fiscal da Fundação Lemann e preside o conselho curador da Fundação Estudar, ambas voltadas para a educação e criadas pelo empresário Jorge Paulo Lemann.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*