Quarta-feira, 21 de Outubro de 2020

Cidades
Terça-feira, 13 de Outubro de 2020, 11h:27

ELEIÇÃO 2020

Sete candidatos em Manaus já contrataram R$ 2,6 milhões para campanha

Fonte: Portal o Poder

Divulgação

Dos onze candidatos que disputam a Prefeitura de Manaus, sete já comprometeram R$ 2,6 milhões da receita que receberam para gastar na campanha, durante as eleições municipais deste ano. A informação consta na Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais (Divulgacand).

Até o momento, oito candidatos receberam recurso, seja de ‘investimentos’ da Executiva Nacional de seus respectivos partidos, dos diretórios municipais ou por meio de ‘vaquinha virtual’ ou, ainda, doação de pessoa física. O total de receita recebido por todos os candidatos somam mais de R$ 8,4 milhões. O valor pago pelos candidatos até o momento somam mais de R$ 570 mil.

Dos oito que receberam recurso, apenas o candidato do PSTU, Gilberto Vasconcelos não declarou contratações ou gastos até às 9h desta terça-feira, 13.

Entre os candidatos com recurso para gastar em campanha estão: Alfredo Nascimento (PL), Amazonino Mendes (Podemos), Alberto Neto (Republicanos), Coronel Menezes (Patriota), Gilberto Vasconcelos, Ricardo Nicolau (PSD), Romero Reis (Novo) e José Ricardo (PT).

O maior recurso recebido até o momento é do candidato Alfredo Nascimento, em um montante de R$ 6 milhões. Desse valor, Alfredo contratou despesas no montante de R$ 143 mil.

Entre as principais despesas de Alfredo estão gastos com serviços prestados por terceiros, publicidade, impulsionamento de conteúdo, despesas com pessoal e aluguel de veículo.

O segundo maior recurso recebido é do candidato José Ricardo, no valor de R$ 1,2 milhão. O petista contratou gastos no montante superior a R$ 661 mil e gastou mais de R$ 344 mil.

As principais despesas do candidato foram distribuídas com produção de programa de rádio e televisão, combustível e doações para outros candidatos.

A terceira maior receita, até o momento, é a do deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD), que recebeu de doação do irmão, Luiz Alberto Nicolau, um montante de R$ 500 mil. Desse valor, Nicolau contratou mais de R$ 280 mil e gastou mais 158 mil.

Em quarto lugar, o ex-governador Amazonino Mendes recebeu de doações da Executiva Nacional do PSL e do diretório municipal do Podemos, uma quantia que somou R$ 470 mil. Amazonino declarou despesas de mais de R$ 1,5 milhão. Até o momento o ex-governador efetuou gastos no montante de R$ 50 mil.

Menores

Os menores valores foram distribuídos aos candidatos Gilberto Vasconcelos (R$ 7 mil), Romero Reis (R$ 50 mil), Menezes (R$ 56 mil) e Alberto Neto (R$ 76 mil). Entre as principais despesas dos candidatos estão gastos com impulsionamento na internet, taxas administrativas e encargos.

 

Henderson Martins, para O Poder

Foto: Divulgação

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.