Sábado, 17 de Novembro de 2018

Cidades
Quinta-feira, 01 de Novembro de 2018, 16h:02

Mato Grosso

Mato Grosso recebe a maior feira de peixes nativos

Da Redação

José Medeiros

O Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá, será palco de uma das maiores feiras de peixes nativos de água doce do País. O evento, criado pelo Sebrae/MT, com apoio da Associação dos Aquicultores de Mato Grosso - Aquamat, será realizado nos dias 13 e 14 de novembro, com uma programação voltada para piscicultores, especialistas e consumidores em geral.

A feira compõe a terceira edição do Seminário de Tendências e Tecnologias na área de piscicultura, que oferece a integração da produção, do mercado, da tecnologia, da sustentabilidade e das políticas públicas. Além disso, nesta edição, o evento traz oportunidades também na gastronomia, no turismo e nos mercados nacionais e internacionais. 

De acordo com Valéria Pires, gestora do projeto, trazer um evento desta proporção para Mato Grosso é garantir que o setor produtivo local ganhe visibilidade diante de todo o país. "É um momento ímpar para o setor, porque nós fazemos com que todos os olhares se voltem para o nosso estado. Mato Grosso já esteve em primeiro lugar no ranking nacional de produção de peixes. Atualmente, ocupamos a quarta colocação, perdendo por detalhes. Com um evento desta proporção, nós reforçamos o nosso objetivo em busca da primeira colocação. Não queremos ocupar o primeiro lugar apenas em termos de produção, e sim, na possibilidade de exportar para outros estados e, quem sabe, para outros países, levando qualidade e considerando as questões de sustentabilidade, que são muito importantes."

A feira terá entrada gratuita e será realizada no período das 12h às 20h. Durante o evento, os participantes poderão acompanhar o trabalho de 37 expositores, dentre eles, os serviços fornecidos pelo Centro Universitário de Várzea Grande (Univag), que desenvolverá oficinas gratuitas e produzirá pratos à base de peixes. 

"São instituições que vão expor maquinários, equipamentos, serviços e fazer a divulgação do seu portfólio. Algumas delas, inclusive, são de outros estados. O evento é importante também para aproximar os clientes porque, geralmente, o contato é feito via telefone ou por e-mail. E, durante a feira, haverá essa possibilidade de conversar pessoalmente e fazer com que esse relacionamento ocorra. Podemos dizer que o principal objetivo do evento é a geração de negócios", ressalta Valéria. 

 

Com informações e texto do Gazeta Digital

Comentários










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.